28 de novembro de 2010

Alicerces do casamento



“Portanto deixará o homem o seu pai e a sua mãe, e apegar-se-á à sua mulher, e serão ambos uma só carne. E ambos estavam nus, o homem e a sua mulher; e não se envergonhavam.” (Gn 2:24,25)

Quando Deus criou o casamento, Ele o fez para que homem e mulher pudessem completar um ao outro em suas necessidades espirituais, emocionais, intelectuais, físicas e sociais. Para que o casamento cumpra o propósito é necessário, porém, que esteja alicerçado na Rocha que é Jesus.
O alicerce é a base sobre a qual se constrói um muro, uma casa, um edifício. A Bíblia diz em Lucas 6:48 “É semelhante a um homem que, edificando uma casa, cavou, abriu profunda vala e lançou alicerce sobre a rocha; e, vindo a enchente, arrojou-se o rio contra aquela casa e não a pôde abalar, por ter sido bem construída.”
O fato é que quando casamos trazemos toda a carga familiar que adquirimos em toda a nossa criação. Normalmente não aprendemos que só devemos conservar essa herança familiar se ela for boa e o que acontece é que preservamos conosco o bom e o ruim, o que pode prejudicar o relacionamento conjugal. Portanto, para a realização plena da aliança é necessário amadurecimento e emancipação (Gn 2:24).
Ao formarmos uma família, devemos aprender a tomar as decisões em casal, sem nos deixar influenciar pelas posturas de nossos pais e familiares. E para isso é preciso libertação de algumas amarras que muitas vezes tentam prender os cônjuges.
O casal deve buscar fortalecer um ao outro, tendo como prioridade gerar amor, comunhão e respeito no dia-a-dia. Tudo na aliança vem através da dedicação mútua e é alcançado quando o homem e a mulher decidem:

1. Deixar a dependência emocional.

“Portanto deixará o homem o seu pai e a sua mãe, e apegar-se-á à sua mulher, e serão ambos uma só carne.” (Gn 2:24)
O casal, após firmar aliança, não deve morar com os pais de nenhum dos cônjuges, mas precisam ter em mente que construir uma família fala de viver um para o outro, cuidando um do outro. A provisão para o lar virá do trabalho dos dois e não mais dos pais, como antes.

2. Deixar os hábitos e heranças espirituais da família.

“...sabendo que não foi com coisas corruptíveis, como prata ou ouro, que fostes resgatados da vossa vã maneira de viver, que por tradição recebestes dos vossos pais...” (I Pe 1:18).
Muitas vezes, em virtude da convivência com os pais corremos o risco de nos tornarmos vítimas de um comportamento que poderá nos aprisionar por toda a vida. E ao entrarmos no casamento precisamos renovar a mente com base na Palavra de Deus.
Não podemos preservar conosco o que não é bom, por isso decida romper com todos os hábitos e heranças espirituais que você adquiriu em sua família que não contribuirão de forma benéfica para o seu relacionamento conjugal. Construa seu casamento firmado na Rocha.

3. Deixar a influência de certas palavras

“A morte e a vida estão no poder da língua, o que bem a utiliza come do seu fruto.” (Pv 18:21)
No decorrer de nossas vidas recebemos muitas palavras que são contrárias ao propósito que Deus tem para nós. Quantas palavras que foram liberadas no reino do espírito e acabaram nos influenciando, de forma errada, a maneira de pensar e de agir. Essas palavras podem interferir no relacionamento e portanto, devem ser renunciadas.
A língua maligna destrói o caluniador, o caluniado e o ouvinte e a morte causada por essas palavras, na maioria das vezes não é física, mas é mortal, porque nem sempre pode ser vista, por isso mata a alma.

4. Deixar problemas de relacionamento familiar

“...tendo cuidado de que ninguém se prive da graça de Deus, e de que nenhuma raiz de amargura, brotando, vos perturbe, e por ela muitos se contaminem; e ninguém seja devasso, ou profano como Esaú, que por uma simples refeição vendeu o seu direito de primogenitura.” (Hb 12:15,16)
Muitas pessoas foram vítimas de agressões físicas, emocionais, sexuais e hoje carregam amargura na alma, lembranças dolorosas que podem afetar os sentimentos em relação aos pais e conseqüentemente em relação ao cônjuge.
A amargura prejudica o lar e impede que as bênçãos cheguem até o casal. Portanto, não alimente sentimentos negativos em sua vida, busque a cura de Deus para que você e o seu cônjuge tenham a melhor família de toda a terra.
Faça o conserto que for preciso, mas decida pela cura. A cura é o único meio pelo qual todo o peso do passado é removido. Precisamos arrancar todas as raízes de amargura que foram construídas no passado, porque toda raiz de amargura produz frutos amargos e nós fomos chamados a viver uma vida de plenitude, Jesus conquistou essa vida na cruz do calvário.
Deus tem bênçãos para a família de Gênesis a Apocalipse. Como Seus filhos temos um direito e uma herança de vivermos cada uma dessas bênçãos. Não abra mão de ter uma família alicerçada nas bases que a Palavra apresenta. Usufrua as benécies de Deus para o seu relacionamento conjugal, dessa forma vocês só têm a ganhar.


24 de novembro de 2010

Céus de cura para o seu casamento







Clama em alta voz, não te detenhas, levanta a tua voz como a trombeta e anuncia ao meu povo a sua transgressão, e à casa de Jacó os seus pecados. (Isaías 58:1).

O casamento pode receber céus de cura a partir das palavras que recebe, a partir da profecia que é liberada pelos cônjuges. As pessoas são curadas pela poder da palavra. Por isso, precisamos aprender a profetizar, emitir decretos de bênçãos sobre o casamento. Profetizar é tomar a boca de Deus emprestada e falar o que Deus fala.

Para que a cura se manifeste dentro do seu casamento, você precisa profetizar em linha com a Palavra de Deus. Então, a sua cura virá depressa. Haverá um milagre em sua casa por intermédio da sua boca e tudo será exatamente como Deus quer que seja. Ele projetou para você um casamento feliz.

A conseqüência do que falamos é a manifestação de milagre ou maldição, solução ou problema. É você quem decide o que quer para o seu casamento e para a sua família: milagres ou maldições? Creio que milagres. Então aprenda a caminhar pelas regras divinas. Em primeira mão, para que algo se manifeste na vida de alguém, é necessário que o mecanismo da palavra seja usado.

Aprenda a conversar os assuntos certos em lugares certos, isso causa um impacto positivo para o relacionamento. A maioria de nós, para promover algo dentro do relacionamento social, físico, intelectual, emocional, precisa fazer um exercício de vocábulos. O mesmo se dá no casamento, é preciso aprender a falar o vocábulo do outro.

Não é qualquer lugar que favorece certos tipos de linguagens, certos tipos de assuntos. Há lugares que vamos e encontramos grupos que falam palavrões, por exemplo. Também há lugares em que encontramos pessoas mais educadas e assim por diante. Por onde passamos encontramos pessoas diversificadas em seus hábitos, linguagens e conversas.

Conhecemos pessoas fiéis, outras infiéis. Existem pessoas que convivem conosco e nós não as conhecemos, outras conhecemos muito bem. Assim como existem cônjuges casados há anos que não se conhecem, vivem um relacionamento enfermo, marcado pelas transgressões de Jacó.

Deus nos chama neste tempo específico para tomarmos a postura correta dentro do relacionamento conjugal e arrancar as transgressões do seio do casamento. 

Algumas transgressões



Como pode haver mentira entres os coToda mentira entre os cônjuges precisa acabar. Com sabedoria, arranque a mentira da sua casa. Na maioria das vezes, um cônjuge não é verdadeiro com o outro nos sentimentos. Amar é mais uma atitude do que um discurso. O amor é muito mais respeitado quando é agido do que quando é falado, embora seja necessário falar e agir. Não diga que ama por pressão.

Tenha diálogos francos com seu cônjuge, sem rispidez, mas com sinceridade. Faça exercícios de declarações de amor todos os dias para seu cônjuge, na frente dos filhos, para que estes se sintam seguros. Fale a verdade sempre e mande embora todo espírito de mentira.

A deslealdade nos compromissos entre o casal causa muitos dissabores no relacionamento. Quando você fizer qualquer promessa ao cônjuge, cumpra-a. Não esqueça suas promessas, nem finja que as esqueceu. Alimente-as e você nunca esquecerá delas. Deus não esquece as promessas que faz aos Seus filhos; Ele sempre as cumpre.

Tenha a integridade de cumprir as promessas que faz. Se houve esforço, mas não foi possível cumprir as promessas, ou só foi cumprida uma parte delas, saiba dialogar com o cônjuge para que entenda a situação e busque meios para sanar o compromisso, mas nunca deixe incompleto o cumprimento da promessa.

A Bíblia diz em I Coríntios 7 que o desejo do marido é para a sua mulher e o desejo da mulher é para o seu marido: "O marido pague à mulher o que lhe é devido, e do mesmo modo a mulher ao marido. A mulher não tem autoridade sobre o seu próprio corpo, mas sim o marido; e também da mesma sorte o marido não tem autoridade sobre o seu próprio corpo, mas sim a mulher".

Marido e mulher devem se honrar, tanto no físico, como no emocional e espiritual, sustentando as rédeas da casa, orando pela prosperidade da família, cobrindo os filhos em oração.

Quando o casal conhece a Deus e não está fazendo isso, está usurpando o direito do cônjuge. Não faça votos nem alianças de se abster da relação sexual antes de consultar o cônjuge. 

Votos e alianças de pessoas casadas só têm validade se o marido disser o sim. Não negue ao cônjuge os seus direitos conjugais. Entre muitos casais cristãos a mulher tem vergonha de procurar o marido e muitos homens são acanhados na relação, porque o marido tem dado nomes pejorativos para a esposa ou porque a mulher tem-se negado ao marido. Por conta disso, muitos maridos e mulheres têm sido empurrados para o adultério.

Não existe motivo para que os direitos conjugais sejam negados, "senão de comum acordo por algum tempo, a fim de vos aplicardes à oração e depois vos ajuntardes outra vez, para que Satanás não vos tente pela vossa incontinência" (I Co 7:5).

A Bíblia fala de sexo como fala de adoração. Nós é que somos maliciosos e maldosos e sujamos a santidade da relação sexual no casamento. A Bíblia fala sobre relação sexual, mas não falta a santidade. Deus quer que tenhamos saúde sexual dentro dos princípios do Reino.


Desejar o que não é nosso é pecado. Portanto, não coloque os olhos em coisas que não lhe pertencem, querendo que o cônjuge fique anulado porque a mídia incentiva a prostituição, o adultério. A Bíblia diz que a prostituta sofre por um pão de dores, mas a mulher adúltera procura um homem de valor (Pv 6:26).

Homens de Deus, que têm valor, não procuram prostitutas, mas devem ficar alertas quanto às adúlteras, que podem querer lhes derrubar.

Marido, nunca pense que está imune às tentações, quebre qualquer laço de adultério, porque você tem a integridade e não usurpará o direito da aliança que fez com a mulher da sua mocidade.

Esposa, cumpra as suas funções, sem violentar o seu corpo; cumpra com alegria e submissão às solicitações do seu esposo, porque ele, segundo a Bíblia, vale muito para a mulher adúltera. Não empurre o seu marido para a prostituição nem para o adultério.

Como arrancar essas transgressões:

1. Grite com toda a força

Clama em alta voz, não te detenhas, levanta a tua voz como a trombeta e anuncia ao meu povo a sua transgressão, e à casa de Jacó os seus pecados. (Isaías 58:1)

Esse grito não está retratado a um grito físico. É o grito da atitude, é falar: "Deus, sara o meu casamento!" Se existe alguma área no seu casamento que não está sarada e você ainda não viu a cura brotar sem detença, grite em plenos pulmões, lembrando a Deus Suas promessas, e Ele fará vir a cura sem demora.


Clama em alta voz, não te detenhas, levanta a tua voz como a trombeta e anuncia ao meu povo a sua transgressão, e à casa de Jacó os seus pecados. (Isaías 58:1)

Trombeta é shofar. O shofar representa a voz de Deus. Proclame o que o respalda na palavra. Então clamarás, e o Senhor te responderá; gritarás, e ele dirá: Eis-me aqui. Se tirares do meio de ti o jugo, o estender do dedo, e o falar iniquamente... (Isaías 58:9).

Comece a fazer confissões das promessas de Deus para o seu casamento. Ore a Palavra. O shofar significa o toque para um território ser conquistado, para uma causa ser ganha, sob o comando de Deus. O problema é que queremos resolver tudo com a nossa sabedoria e já sabemos que problemas de casamento só se resolvem com a Palavra de Deus.

A sua casa não é casa de Jacó. Sua casa é o Israel de Deus. Clame em alta voz denunciando as áreas que precisam de cura e, sem detença, o Senhor fará o milagre. "Então clamarás, e o Senhor te responderá; gritarás, e ele dirá: Eis-me aqui" (Isaías 58:9).

23 de novembro de 2010

Orando pela sexualidade do seu marido


 Senhor, abençoe a sexualidade de meu marido e permita que ela lhe seja satisfatória. Restaure o que precisa ser restaurado, equilibre o que precisa ser equilibrado. Proteja-nos da apatia, decepção, críticas, excesso de ocupação, falta de perdão, insen­sibilidade ou desinteresse. Oro para que possamos achar tempo um para o outro, comunicar francamente os nossos sentimentos e permanecer sensíveis às necessidades mútuas.
         Mantenha-nos sexualmente puros na mente e no corpo e feche a porta a qualquer coisa libidinosa ou ilícita que pro­cure envolver-nos. Livre-nos das cadeias dos erros passados. Remova de nosso meio os efeitos de qualquer experiência se­xual - em pensamentos ou obras - que tenha ocorrido fora da nossa relação.
         Remova qualquer pessoa ou coisa de nossas vidas que possa servir de tentação à infidelidade. Ajude-nos a "abster-nos da imoralidade" para que cada um de nós saiba "como possuir o próprio corpo, em santificação e honra" (1 Ts 4.3-5).
         Oro para que desejemos um ao outro e a ninguém mais. Mostre-me como tornar-me atraente e desejável para ele e ser a parceira de que ele precisa. Oro para que nenhum de nós venha a ser tentado a pensar em buscar satisfação em outra pessoa.
         Compreendo que uma parte importante do meu ministério para meu marido é sexual. Ajude-me a nunca usar isso como uma arma ou um meio de manipulação, dando ou retendo a prática do sexo por razões egoístas. Entrego esta área das nossas vidas ao Senhor. Que ela possa ser continuamente renovada e estimulante. Faça dela tudo que o Senhor a criou para ser.

Instrumentos de Poder


Fugi da impureza! Qualquer outro pecado que uma pessoa cometer é fora do corpo; mas aquele que pratica a imoralidade peca contra o próprio corpo. Acaso não sabeis que o vosso corpo é santuário do Espírito Santo que está em vós, o qual tendes da parte de Deus, e que não sois de vós mesmos? Porque fostes comprados por preço. Agora, pois, glorificai a Deus no vosso corpo.
1 Co 6.18-20

... O corpo não é para a impureza, mas para o Senhor, e o Senhor para o corpo.
1 Co 6.13

Bebe a água da tua própria cisterna, e das correntes do teu poço. Derramar-se-iam por fora as tuas fontes, e pelas praças os ribeiros de águas? Sejam para ti somente e não para os estranhos contigo.
Seja bendito o teu manancial, e alegra-te com a mulher da tua mocidade, corça de amores, e gazela graciosa. Saciem-te os seus seios em todo o tempo; e embriaga-te sempre com as suas carícias.
Pv 5.15-19

Extraído do Livro O Poder da Esposa que ora - Stormie Omartiam
Imagem da esposa orando: Maluco por Jesus


Eu declaro que vou viver dias de alegria,de paz de saúde,de prosperidade,de amor. Nesses dias, o Senhor mudará a minha sorte e a minha boca se encherá de riso e minha família viverá omelhor de DEus. Em nome de Jesu.

Orando pelas Finanças do seu marido




Senhor, entrego minhas finanças ao Senhor. Encarregue-se de­las e use-as para os seus propósitos. Que nós dois possamos ser bons mordomos de tudo que o Senhor nos dá e concordemos completamente sobre como devemos usar nossos bens.
         Oro para que aprendamos a viver livres de dívidas pesadas. Onde não tenhamos sido sábios, traga restauração e dê-nos orien­tação. Mostre-me como posso aumentar nossa renda e não di­minuí-la insensatamente. Ajude-nos a lembrar que tudo que temos pertence ao Senhor, e que sejamos gratos por isso.
         Oro para que (nome do marido) não tenha dificuldades em dar ao Senhor e a outros conforme as instruções na sua Palavra. Dê a ele sabedoria para usar sabiamente o dinheiro. Ajude-o a tomar boas decisões sobre como gastá-lo. Mostre-lhe como planejar para o futuro.
         Oro para que ele encontre o equilíbrio perfeito entre não gastar desnecessariamente nem ser avarento. Que ele possa sempre ser bem renumerado pelo trabalho que faz e que o seu dinheiro não seja roubado, per­dido, consumido, destruído ou desperdiçado.
         Multiplique seus ganhos de forma que possam render bastante. Oro para que ele não fique ansioso em função do dinheiro, mas busque primeiro o reino de Deus, sabendo que se fizer isso, teremos tudo o que precisamos (Lc 12.31). 

Instrumentos de Poder

Não andeis, pois, a indagar o que haveis de comer ou beber, e não vos entregueis a inquietações. Porque os gentios de todo o mundo é que procuram estas coisas; mas vosso Pai sabe que necessitais delas. Buscai, antes de tudo, o seu reino, e estas coisas vos serão acrescentadas.
Lc 12.29-31

Quanto ao homem, a quem Deus conferiu riquezas e bens, e lhe deu poder para deles comer, e receber a sua porção, e gozar do seu trabalho;
isto é dom de Deus.
Ec 5.19

O que dá ao pobre não terá falta, mas o que dele esconde os seus olhos será cumulado de maldições.
Pv 28.27

Fui moço, e já, agora, sou velho, porém jamais vi o justo desamparado, nem a sua descendência a mendigar o pão.
Sl 37.25

E o meu Deus, segundo a sua riqueza em glória, há de suprir, em Cristo Jesus, cada uma de vossas necessidades.
Fp 4.19

Extraida do livro: O Poder da Esposa que ora - Stormie Omartiam
Creditos imagens



Oração pelo trabalho de seu marido




Senhor, oro para que abençoe o trabalho de meu marido. Que o seu esforço não só traga benefícios, sucesso e prosperidade, mas também grande satisfação. Se o trabalho que ele está de­senvolvendo não estiver de acordo com a perfeita vontade do Senhor para a vida dele, deixe-lhe isso claro. Mostre-lhe o que ele deve fazer de modo diferente e guie-o no caminho certo.
         Dê-lhe força, fé e uma visão do futuro, a fim de que possa superar qualquer tendência para a preguiça. Que ele nunca fuja do tra­balho por medo, egoísmo ou desejo de evitar a responsabilida­de. Por outro lado, ajude-o a ver que não deve trabalhar exageradamente para obter a aprovação dos homens, ou cobiçar um ganho superior àquilo que é um dom do Senhor.      
         Dê-lhe a capa­cidade de gozar o seu sucesso sem se exceder para receber mais. Ajude-o a alcançar a excelência, mas livre-o da pressão nesse sentido.
         Oro para que o Senhor dirija seus atos e que ele possa colocar o Senhor em cada aspecto de seu trabalho. Dê a ele confiança suficiente nos dons que recebeu para que possa buscar, encontrar e fazer um bom trabalho. Abra-lhe as por­tas da oportunidade que homem algum pode fechar. Desen­volva as suas habilidades de modo a aperfeiçoá-las a cada ano. Mostre-me o que posso fazer para encorajá-lo.
         Oro para que o seu trabalho seja estável, seguro, bem-sucedido, satisfatório e financeiramente compensador. Que ele "não seja remisso no zelo; mas fervoroso de espírito, servindo ao Senhor" (Rm 12.11).
         Que seja como a árvore plantada jun­to às águas da vida do Senhor, que produz fruto na estação apropriada. Que ele nunca desanime sob pressão, mas cresça forte e próspero (Sl 1.3).

Instrumentos de Poder

 Vês a um homem perito na sua obra? perante reis será posto; e não entre a plebe.
Pv 22.29

Não te fatigues para seres rico; não apliques nisso a tua inteligência. Porventura fitarás os teus olhos naquilo que não é nada? pois certamente a riqueza fará para si asas, como a águia que voa pelos céus.
Pv 23.4,5

Pois, que aproveitará o homem se ganhar o mundo inteiro e perder a sua alma? ou que dará o homem em troca da sua alma?
Mt 16.26

Pela muita preguiça desaba o teto, e pela frouxidão das mãos goteja a casa.
Ec 10.18

Seja sobre nós a graça do Senhor nosso Deus; confirma sobre nós as obras de nossas mãos, sim, confirma a obra das nossas mãos.
Sl 90.17

Extraído do livro O poder da esposa que ora - Stormie Omartiam
Créditos imagens: Nazareno Sobradinho






Oração da Esposa






Senhor, ajude-me a ser uma boa esposa. Compreendo muito bem que não conseguirei isso sem a sua ajuda. Tome o meu egoísmo, impaciência e irritação e transforme-os em bondade, longanimidade e disposição para suportar tudo. Tome meus velhos hábitos emocionais, mentalidade, reações automáticas, suposições rudes e posição autoprotetora e tome-me paciente, bondosa, fiel, gentil e autocontrolada. Tome a dureza do meu coração e derrube os muros com o seu aríete da revelação. Dê-me um novo coração e trabalhe em mim o seu amor, paz e ale­gria (Gl 5.22,23). Não posso ser mais do que sou neste momento. Só o Senhor pode transformar-me.
         Mostre-me onde há pecado em meu coração, especialmen­te com relação ao meu marido. Confesso as vezes em que mos­trei falta de amor, fui crítica, zanguei-me, ressenti-me, fui des­respeitosa ou não pude perdoá-lo. Ajude-me a livrar-me de qualquer mágoa, ira ou desapontamento que possa sentir e a perdoá-lo como o Senhor faz - total e completamente, sem ressentimentos. Faça de mim um instrumento de reconciliação, paz e cura neste casamento. Capacite-nos para nos comu­nicarmos bem e livre-nos do limiar da separação que leva ao divórcio.
         Faça de mim a ajudadora, companheira, defensora, amiga e o apoio de meu marido. Ajude-me a criar um lugar tranqüilo, repousante e seguro para o qual ele possa retornar ao fim do dia. Ensine-me a cuidar de mim mesma e a permanecer atraen­te para ele. Faça com que eu cresça e me tome uma mulher criati­va e confiante, rica de mente, alma e espírito. Faça de mim o tipo de mulher do qual ele possa orgulhar-se como esposa.
         Coloco todas as minhas expectativas na sua cruz. Liberto meu marido do fardo de satisfazer-me em áreas em que devo esperar isso do Senhor. Ajude-me a aceitá-lo como ele é e não procurar mudá-lo. Compreendo que em alguns aspectos ele talvez nunca mude; mas, ao mesmo tempo, eu o libero de mu­dar em coisas que jamais pensei que ele poderia. Deixo quais­quer mudanças que precisem ser feitas nas mãos do Senhor, aceitando plenamente que nenhum de nós dois é perfeito e ja­mais será. Só o Senhor, meu Deus, é perfeito e peço que nos aperfeiçoe.
         Ensine-me a orar por meu marido e a fazer das minhas ora­ções uma verdadeira linguagem de amor. Onde o amor morreu, renove-o, Senhor. Mostre-me como é de fato o verdadeiro amor e como compartilhá-lo com meu marido. Traga unidade entre nós, para que possamos concordar em tudo (Am 3.3).
         Que o Deus da paciência e do consolo nos conceda ter o mesmo senti­mento de um para com o outro, segundo Cristo Jesus (Rm 15.5). Faça de nós uma equipe, trabalhando juntos, ignorando as fa­lhas e fraquezas mútuas para o bem maior do casamento e não seguindo vidas separadas, competitivas ou independentes.
         Ajude-nos a buscar as coisas que promovem a paz e aquelas com as quais possamos edificar um ao outro (Rm 14.19). Que possamos ser "inteiramente unidos na mesma disposição mental e no mesmo parecer" (1 Co 1.10).
         Oro para que o nosso compromisso com o Senhor e um com o outro fique cada dia mais forte. Capacite-o para ser o chefe da casa como o Senhor o fez para ser e mostre-me como apoiá-lo e respeitá-lo enquanto ele procura desempenhar essa posição de liderança. Ajude-me a compreender os seus sonhos e ver as coisas da perspectiva dele.
         Revele-me o que ele quer e o que precisa e mostre-me os problemas em potencial antes de ocor­rerem. Sopre a sua vida, o Deus, neste casamento.
         Faça de mim uma nova pessoa, Senhor. Dê-me uma nova perspectiva, um ponto de vista positivo e uma relação renovada com o homem que o Senhor me deu. Ajude-me a vê-lo com novos olhos, nova apreciação, novo amor, nova compai­xão e nova aceitação. Dê a meu marido uma nova mulher, e que seja eu.

Instrumentos de Poder

Por isso vos digo que tudo quanto em oração pedirdes, crede que recebestes, e será assim convosco. E, quando estiverdes orando, se tendes alguma coisa contra alguém, perdoai, para que vosso Pai celestial vos perdoe as vossas ofensas.
Mc 11.24,25

Antes, sede uns para com os outros benignos, compassivos, perdoando-vos uns aos outros, como também Deus em Cristo vos perdoou.
Ef 4.32

Pedi, e dar-se-vos-á; buscai, e achareis; batei, e abrir-se-vos-á. Pois todo o que pede recebe; o que busca encontra; e a quem bate, abrir-se-lhe-á.
Mt 7.7,8

Com a sabedoria edifica-se a casa, e com a inteligência ela se firma; pelo conhecimento se encherão as câmaras de toda sorte de bens, preciosos e deleitáveis.
Pv 24.3,4

E não nos cansemos de fazer o bem, porque a seu tempo ceifaremos, se não desfalecermos.
Gl 6.9

 Extraído do livro : O poder da esposa que ora - Stormie Omartiam



11 de novembro de 2010

Uma palavra Profética para sua vida!!!!



Silas Malafaia
“... e o Senhor dava vitórias a Davi, aonde quer que ele ia.” (II Samuel 8:14)

Essa mensagem, eu vou dividir em duas partes:

1. Palavra profética
Há pessoas que recebem uma palavra de Deus e vão para a rede descansar e esperar Deus trabalhar quando deveria ser diferente. Você precisa trabalhar para ver a palavra que Deus liberou sobre a sua vida.
Quero ser profeta de Deus para você nesta noite e declarar que:
. Deus lhe dará vitória no seu lugar de trabalho.
. Deus fará com que os seus negócios prosperem.
. Profeticamente, eu declaro que o Senhor lhe dará vitórias no lugar do seu convívio social, onde você mora, onde você trabalha, na roda dos seus amigos, no meio dos seus parentes.
. O Senhor lhe dará vitórias no território do inimigo. Não sei quem anda lhe perseguindo, quem quer caluniar sua vida, mas quero declarar que no território do inimigo, você será vitorioso.

. Deus lhe dará vitória na sua casa. Lá haverá alegria e Satanás não destruirá os seus filhos nem o seu casamento.
. Quero declarar que aqui não é tenda, mas a Casa de Deus. Deus lhe dará vitórias aqui, neste lugar. A shekiná de Deus está aqui. A unção de Deus está aqui. A glória do Deus Todo Poderoso está aqui. Aqui é lugar de libertação, cura, conserto, restauração.
. Aonde você for enviado, seja por Deus ou pelos homens, Deus lhe dará vitória. Não importa o lugar para onde você vai, o que importa é a presença de Deus na sua vida.
O texto diz que Deus dava vitórias a Davi aonde quer que ele ia. Eu pergunto: Será que Deus dava vitórias a Davi e ele não precisava fazer nada? Claro que não! Davi precisava fazer a parte dele para que a palavra profética acontecesse.


2. A sua parte para que a palavra profética se cumpra

O Senhor dá vitórias a você aonde quer que vá, desde que faça a sua parte.
A palavra profética se cumpre desde que façamos a nossa parte. Como Deus vai cumprir uma palavra profética na sua vida se você não agir em direção a ela? Como Deus restaurará a sua família se você xinga o cônjuge e os filhos? É preciso haver atitude em direção ao objetivo.
O contexto do texto vai do verso 1 ao 14, quando narra os nomes a quem Davi feriu, e cita um a um. O que podemos aprender com isso? Primeiro que Davi tinha atitudes e que ele lutava.
Então, não pense que será moleza. Para lutar, você precisa de inteligência, sabedoria, disposição, coragem (não é ausência do medo, mas domínio do medo). Muita gente está enganada dentro da Igreja esperando que a profecia se cumpra sem luta. Isso não acontece.
A Bíblia mostra que Davi era um homem estratégico. Ele vencia logo os mais fortes, porque aí, psicologicamente, os mais fracos já estariam derrotados.
Davi tinha objetivos, lutava, era estratégico e dominava. Davi não apenas lutava, ele os dominava também. Quando ele feria os inimigos, eles se tornavam por servos. Estou aprendendo na vida que algumas pessoas têm problemas cíclicos no casamento, nas finanças, no trabalho etc. Quando você vai dominar a situação? Não basta apenas vencer, mas é preciso dominar para que nunca mais se levante sobre você.
Davi era fenomenal. Ela não apenas lutava e era estratégico, mas tomava posse de forma a ninguém mais tomar da sua mão. Será que você é do tipo de crente que todo tempo tem que cantar restitui, porque vive como menino, dando bobeira porque vive como criança?
Vive tomando posse de besteira, mas não toma posse do que tem que tomar mesmo, do Reino de Deus. Lembre-se de que Deus só dá vitória para os que tomam posse da palavra profética e fazem a sua parte.
A coisa mais importante que Davi fazia era ter atitudes, lutar, ser estratégico, dominar, tomar posse e oferecia para Deus o melhor. Davi dava o melhor do tempo, dos talentos e da posse.
Em muitos lugares do Brasil, em muitas igrejas evangélicas, se fôssemos parafrasear o texto, seria: Fulano trouxe lata velha, o que não presta, o pior para o Senhor. Davi era diferente. Ele dava o melhor: ouro, prata, bronze...
Não pense que você não dá o melhor do seu tempo para Deus porque você trabalha muito. O melhor do seu tempo não é o que você passa trabalhando, mas as horas que você pode descansar, dormir, passear.
A Igreja é o resultado da minha carnalidade ou da minha espiritualidade. A Igreja não é o Apóstolo, o Pastor, é você. A Igreja é o resultado da sua boa ação ou da sua mesquinharia.
Termino dizendo que existem mensagens que você escuta e aplica na hora, outras não. Não estamos brincando de palavras proféticas. Portanto, quero desafiá-lo. Não sei o que é ouro, prata e bronze para você. Quero desafiá-lo nesta noite a dar o melhor para Deus sempre.


Fonte: Mir12 - Porto Seguro 2010


  



4 de novembro de 2010

RECONHECIMENTO DO PARCEIRO QUE DEUS APROVOU PARA VOCÊ‏


Você foi criado para se relacionar. Os olhos precisam de uma vista. Os ouvidos precisam de um som. A mente precisa de pensamentos.

O isolamento produz vulnerabilidade. Deus sabia disso: "Então o SENHOR Deus declarou: 'Não é bom que o homem esteja só'" (Gn 2.18).

Deus ama o casamento. Ele odeia o divórcio. O casamento não consiste meramente em um centro de reprodução para bebês humanos.

O casamento é o solo fértil onde você semeia sua paciência, seu amor e seu entusiasmo e os observa se multiplicando nas pessoas ao seu redor.

Deus nunca lhe dará um presente que substitua a presença dele. É por isso que seu cônjuge não foi criado para produzir sua alegria. A presença de Deus é que produzirá alegria em você. "Tu me farás conhecer a vereda da vida, a alegria plena da tua presença, eterno prazer à tua direita" (Sl 16.11). Algo que é pleno implica "que tal coisa não precisa de nada para completá-la".

Seu cônjuge é um presente de Deus para você. Esse presente tem seguinte propósitos: 1) proteger seu foco; 2) Reduzir suas distrações; 3) criar um clima de proteção.

Foco sempre produz cegueira. Quando você está olhando para o norte, não consegue ver o sul. Outra pessoa é necessária para sua proteção. Foi por isso que Deus providenciou esse presente, que é o seu cônjuge.

Infelizmente, alguns que se qualificam para receber nossa atenção estão desqualificados para receber nosso coração.

Depois de passar os últimos vinte anos solteiro, tive duas décadas para meditar, observar e analisar os fracassos e sucessos dos relacionamentos.

Aqui estão algumas sugestões de dois livros que estou escrevendo: 1) Pense duas vezes antes de se casar com ele; 2) pense duas vezes antes de se casar com ela.

1. Pense duas vezes se você não tem verdadeira paixão a oferecer. A prova do amor é o desejo de dar. Jesus explicou isso: "Deus tanto amou o mundo que deu o seu Filho Unigênito..." (Jo 3.16).

Quase sempre, o casamento se torna uma troca. A troca é a evidência de uma relação de negócios, não de amor.

Você deve desejar dar tempo, o maior dom que Deus lhe deu.

A prova do amor excepcional é o investimento de tempo.

2. Pense duas vezes se ela não tem verdadeira paixão para lhe dar em troca. Não estou me referindo a presentes caros, grandes quantidades de dinheiro ou roupas. O ouvido atento, flexibilidade, paciência e disposição para ser corrigido também são presentes.

3. Pense duas vezes se suas realiza ções pessoais não produzem entusiasmo na outra pessoa. Quando coisas boas acontecem, qual a primeira pessoa para quem você deseja telefonar? Preste atenção nisso.

A celebração é uma bússola. Aquelas pessoas com as quais você gosta de comemorar suas vitórias são uma peça fundamental para o quebra-cabeça de sua vida. Quando o amor excepcional existe, urna grande celebração é normal. O amor excepcional não compete com o sucesso do outro. Ele experimenta sabedoria e desfruta o prazer do outro.

4. Pense duas vezes se a outra pessoa não se sente cativada pelas coisas que cativam você. Há vários anos, uma mulher me empolgou. Mas o relacionamento era complicado. Alguma coisa simplesmente parecia não "afinar". Ela não gostava de se sentar comigo quando eu escrevia meus livros. Ela gostava mais de divertir-se que de estar na presença do Espírito Santo, no Lugar Santíssimo. Um ministro amigo meu

o que acontecia: "Mike, ela simplesmente não é cativada por aquilo que você é. . Não e o bastante seu cônjuge ser cativado apenas por você; ele deve ser sensível pela mesma coisa que sensibiliza você..

Sempre falo em conferências de mulheres. Sempre enfatizo que você no pode conhecer um homem se apenas o estudar, você o conhecerá se estudar seu foco.

5.Pense ditas vezes se você perdeu o desejo de impressiona-la. Observei uma esposa fazer um aceno de despedida para o marido certa manha. Ela ficou na frente da porta acenando. Havia botões faltando em seu roupão, restos de comida e bobes no seu cabelo: ela era tudo que um homem gostaria de esquecer. Compreendi facilmente por que ele parecia to feliz de estar saindo de casa para um lugar em que alguém provavelmente O saudaria a porta com um belo sorriso, roupas impecáveis e perfume para impressioná-lo.

Você é um sistema ambulante de mensagens para aqueles a quem ama. Você voaria em um avião com assentos quebrados, ovo na gravata do piloto, botões faltando e assentos rasgados? Claro que não. Voe iria pensar: "Será que o motor também esta assim?"
Alguma coisa esta errada quando você no deseja mais apresentar as melhores coisas ao seu cônjuge.

Fiquei impressionado um dia quando vi a esposa de um amigo colocar na mesa a mais cara prataria e a mais fina porcelana para ele. Ela me explicou: "A pessoa mais especial em minha vida é meu marido. Nunca iria reservar urna bela prataria para um visitante ocasional se meu marido é o rei desta casa".

6. Pense duas vezes se a pessoa nunca faz perguntas relacionadas a seus maiores sonhos e objetivos. As perguntas revelam desejo. As perguntas revelam humildade.

7. Pense duas vezes se a pessoa ignora uni conselho digno de orientadores qualificados. Quem São 05 heróis do seu cônjuge? Você se torna semelhante àqueles que admira. Você se apropria dos hábitos daqueles que você inveja. Quem é o orientador dominante dele? Aos pés de quem ele se senta para ouvir com real interesse? O orientador é uma profecia a respeito do discípulo. Se ele se rebela contra o conselho do pastor, essa relação é frágil' e desacone1hável. A tragédia está por vir.

8. Pense duas vezes se a pessoa ainda não impressionou o pastor. Eu me senti atraído por uma moça e fui até o pastor e sua esposa perguntar sobre ela. Eles trocaram olhares e disseram mansamente: "Ela ainda tem muito a aprender e melhorar até chegar lá". Entendo conversa de pastor, Eles quiseram dizer que ela estava muito distante de onde deveria estar.

9. Pense duas vezes se você não enxerga melhoria constantemente no relacionamento. A melhoria é revelada pela redução de conflitos. O conflito ocorre por causa de objetivos, filosofias ou crenças opostas. A união deve aumentar a unidade e reduzir o número de brigas e discussões.

A briga é evidência de sistemas de crenças opostos.

10. Pense duas vezes se a pessoa demonstra pouco sofrimento ou remorso quanto aos erros e pecados passados. Aqueles que estão realmente arrependidos ficam sentidos de verdade. As pessoas arrependidas não são arrogantes. Não culpam as outras por suas decisões. As lembranças dos erros devem produzir tristeza e angústia. Quando o arrependimento não é expressado, a ofensa normalmente é repetida. Algumas pessoas nunca se arrependem de erros do passado. Por quê? Elas não provaram as dolorosas conseqüências de sua rebelião. Não têm verdadeiro temor a Deus. Acreditam estar acima de qualquer julgamento. E fútil o relacionamento com alguém que não demonstra temer a Deus.

A conduta não corrigida se torna conduta repetida.

O temor a Deus mantém o parceiro fiel. A beleza não. Uma moça certa vez me explicou: "Quero permanecer linda para que ele nunca olhe para outra mulher". Que tola! Sua beleza não irá deixar outra mulher feia.

A beleza não pode garantir fidelidade.

O temor a Deus nos mantém fiéis.

Alguns dos melhores artigos escritos estão em revistas de mulheres. Porém, me entristece profundamente observar alguns orientadores de mulheres ensinando a arte da manipulação, da intimidação e da decepção para enganar os homens que elas estão tentando conquistar. Você nunca respeitará alguém que seja capaz de enganar.

11. Pense duas vezes se a pessoa gosta do clima e da atmosfera dos rebeldes. Conheci uma garota surpreendente que era muito comunicativa, impressionante, cheia de classe, elegante, inteligente. Apesar de tudo, algo não me parecia muito certo, mas ignorei o fato. Um dia, ela exclamou com muita empolgação:

"Adoro trabalhar com homossexuais. Eles são muito agradáveis. Prefiro trabalhar com eles que com qualquer outro tipo de pessoa". Ela era insensível ao pecado.

É claro que Deus ama a todos nós, independentemente de nosso pecado. No entanto, qualquer coisa que aflija o coração de Deus deve nos afligir também.

Qualquer coisa que aborreça a Deus deve aborrecer você.

Qualquer coisa que entristeça a Deus deve entristecer tecer você.

Se você insistir em namorar alguém que se sente confortável com rebelião, teimosia, arrogância, desprezo de Deus... Você sofrerá muito.

Uma atriz que conheci parecia amar a Deus de todo o coração. Eu a ouvia dizer continuamente:

"Meu melhor amigo isso.,. meu melhor amigo aquilo... temos sido bons amigos por muitos anos...". Depois, descobri que o melhor amigo dela estava vivendo com um homem havia catorze anos. O melhor amigo dela zombava das leis de Deus, reduzia a nada os pregadores e considerava a vida santa uma piada! Aquele era seu melhor amigo! Ela se sentia completamente confortável na presença de alguém que vivia rebelado contra Deus. Um relacionamento divino entre nós foi impossível.

12. Pense duas vezes se a atmosfera dos não-crentes empolga seu parceiro. Certa vez, ouvi a esposa de um pregador dizer: "Gosto muito de ir aos shows em Las Vegas. Gosto do Tom Jones e de todo aquele ambiente Ele me deixa muito empolgada!" Você acha que fiquei surpreso com o divórcio deles algum tempo depois? Claro que não. A atmosfera dos não-crentes empolgava a carnalidade dela, e ela a alimentava.

Você não tem futuro com alguém que insiste em abastecer sua paixão na atmosfera dos não-crentes.

13. Pense ditas vezes se a pessoa tiver obsessão em atrair a atenção do sexo oposto. Algumas mulheres ficam infelizes se nenhum homem gravitar ao seu redor fazendo dela o "centro das atenções". Também já conheci homens que no conseguem passar um espelho sem parar, observar-se por algum tempo e ficar hipnotizados pela própria beleza.

14. Pense duas vezes se infringir a lei é algo divertido e engraçado para seu cônjuge. Quando Vejo um detector de radares no painel de um carro, reconheço que estou na presença de alguém que menospreza o limite, zomba da lei e deseja que o mundo todo saiba disso.

15. Pense duas vezes se a outra pessoa demonstra pouco respeito quanto aos horários e a programação dos outros. Certa vez, namorei uma moça um bom tempo. Uma noite, tive de esperar por ela 45 minutos no restaurante. Quando finalmente chegou, toda arrumada, explicou-me:

Bem, é que eu encontrei um amigo que não via desde muito tempo e simplesmente me esqueci da hora. Desculpe!

E eu respondi:

-- Compreendo. Fiquei esperando durante 45 minutos. Lamento que a presença de outra pessoa tenha feito você esquecer de mim. Tenho certeza de que Deus tem alguém melhor para seu futuro.

Isso foi tudo.

Seu respeito pela programação dos outros revela muito sobre seu jeito de ser.

16. Pense duas vezes quando estiver óbvio que você nunca se tornará o foco e o compromisso da outra pessoa. Essa pessoa pode desfrutar de sua presença, rir com você e até mesmo gostar de você. Ela pode ser totalmente confive1 para compartilhar as coisas. Mas ser um cônjuge é outra história. Quando Deus lhe dá um cônjuge, essa pessoa se torna seu compromisso. A esposa de um jovem pregador estava claramente inquieta e frustrada. Enquanto voltávamos para casa depois de uma campanha tarde da noite, ela olhou para mim com grande exasperação e disse:

- Preciso descobrir qual é meu compromisso!

Respondi mansamente:

Esse compromisso está ao seu lado. Deus o chama de seu marido. Ele é seu compromisso. Você é o compromisso dele.

Infelizmente, já vi muita frustração. Muitos casamentos de ministros estão fragmentados nos dias de hoje. Grandes homens e mulheres de Deus são infelizes no casamento. Publicamente, a vida deles parece glamourosa e feliz. Muitos são até famosos, bem conhecidos. Mas desprezam o casamento porque cessaram de ver o outro como seu verdadeiro compromisso.

17. Pense duas vezes se a outra pessoa costuma acusar você antes de ter ouvido seu lado da história. De vez em quando, a lealdade é testada e exposta. A fraqueza de meu casamento ficou exposta certa vez. Meu telefone tocou tarde da noite. Minha esposa atendeu. Pouco depois desligou e ficou furiosa. Ela nem me perguntou se os detalhes da situação eram confiáveis. Nunca considerou que as pessoas poderiam estar mentindo ou desinformadas, Foi constrangedor! O que concluí com tudo aquilo? Que a verdade não era a prioridade dela. Minha opinião não era importante. Foi urna revelação decepcionante, pois percebi que outras pessoas poderiam mentir sobre mim, e minha explicação não teria nenhum valor e nenhum crédito.

18. Pense duas vezes se a outra pessoa não tiver saído de relacionamentos anteriores de forma pacífica. Há pessoas que amam brigar. Tentam destruir qualquer coisa que não conseguem possuir ou controlar. A paz as aborrece. O silêncio lhes causa enjôo. A guerra é seu combustível. Suas palavras testam os limites dos que estão ao seu redor. Será impossível ter um casamento agradável com esse tipo de pessoa.

19. Pense duas vezes se os pais da outra pessoa desprezam você ou seu compromisso de vida. A influência familiar é mais poderosa do que podemos imaginar. E algo espiritual. E uma ligação de espírito. O próprio Deus criou isso. Então, você pode se casar com um rebelde que despreza até mesmo os pais dele,...

mas quando a crise vier, ele se voltará para a família em busca de afirmação. Se você se casar com alguém cujos pais parecem apenas tolerar você por causa de sua pouca instrução, classe social baixa ou finanças limitadas lembre-se de que eles serão a terceira parte a influenciar o coração de seu parceiro.

20. Pense duas vezes se a outra Pessoa tem dificuldades fará aceitar a autoridade de um líder espiritual. As mudanças não ocorrerão sem um orientador digno ou uma dor fora do comum. A indisposição de se colocar sob a liderança de um homem de Deus é uma revelação devastadora de fracasso em Potencial.

21. Pense ditas vezes se pequenos problemas causam montanhas de ira na outra pessoa. Nunca me esquecerei deste fato. Eu estava com várias pessoas em um belo restaurante, e o garçom se esqueceu de trazer o limão para o copo de água da moça que eu estava namorando. Ela ficou furiosa. Na verdade, não apenas pareceu nervosa, mas também decidiu que a incompetência dele seria o assunto da conversa aquela noite. Ela não conseguia diferenciar as coisas importantes das triviais.

22. Pense duas vezes se a outra pessoa se recusar a arrumar um emprego. E um pecado não trabalhar. Eu nunca permitiria que minha filha se Casasse Com um homem indisposto a ganhar o próprio sustento. Dinheiro é uma recompensa por se resolver problemas. Se você não tem nenhum dinheiro, provavelmente está se recusando a resolver o problemas próximos a você ou fugindo de sua obrigação. Você com certeza já ouviu a história de algum milionário que se casou com uma garçonete que ele encontrou em uma pequena cafeteria. Por quê? Ele observou os hábitos de trabalho dela. Às três da manhã, ela estava de pé servindo panquecas e ovos para os motoristas de caminhão.., com um sorriso na face. Esse era um dos segredos de Salomão, Ele contratava somente pessoas felizes. E importante observar se a pessoa com quem você vai se casar é uma pessoa feliz antes de entrar para a vida dela.

Paulo adverte: "Quando ainda estávamos com vocês, nós lhes ordenamos isto: Se alguém não quiser trabalhar, também não coma. Pois ouvimos que alguns de vocês estão ociosos; não trabalham, mas andam se intrometendo na vida alheia [...j Se alguém desobedecer ao que dizemos nesta carta, marquem-no e não se associem com ele, para que se sinta envergonhado" (2Ts 3.10,11, 14).

Mulheres produtivas atraem homens produtivos. Isso fez Boaz se achegar a Rute

23. Pense duas vezes se os sonhos da outra pessoa não são grandes o bastante para motivá-la. Se ela consegue dormir o dia inteiro, assistir televisão a noite inteira e se recusa a produzir algo significativo na vida.., é melhor você pensar duas vezes antes de entregar sua vida a ela. Toda pessoa deve ter um sonho grande o bastante para retirá-la da cama toda manhã ou mantê-la de pé à noite!

Mike Murdock

Roberta Muniz
"TUDO dá certo quando DEUS está

na DIREÇÃO de nossas vidas."





Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Pense

Momentos difícies em nossas vidas podem acontecer a qualque momento. Mas será que sabemos como vamos passar por eles?
Deus amou tanto o mundo de tal que enviou Jesus, através de sua obra redentora podemos alcançar a vitória em todas as áreas de nossas vidas. Restauração familiar, restauração de vidas. Deus quer transformar suas cinzas em Beleza.

"O Espírito do Soberano Senhor está sobre mim porque o Senhor ungiu-me para levar boas notícias aos pobres. Enviou-me para cuidar dos que estão com o coração quebrantado, anunciar liberdade aos cativos e libertação das trevas aos prisioneiros,para proclamar o ano da bondade do Senhor e o dia da vingança do nosso Deus; para consolar todos os que andam tristes,e dar a todos os que choram em Sião uma bela coroa em vez de cinzas, o óleo da alegria em vez de pranto, e um manto de louvor em vez de espírito deprimido. Eles serão chamados carvalhos de justiça, plantio do Senhor, para manifestação da sua glória. Is 61.1-3".